segunda-feira, 27 de julho de 2009

pop mix

arte do fantástico Izumi san. sua galeria cheia de frescor pop aqui: http://wonderlands.deviantart.com

INVERSE


Kylie e seu namorado Andres no AD de seu novo perfume. Sinto que preciso e muito.

The Peace Within


Muitas vezes nos sentimos imersos em momentos de paz e tranquilidade como esse fofo filhote da foto acima. A duração desse sentimento pode durar minutos, tardes, noites, madrugadas, fins de semana. Geralmente é quando nos sentimos mais simples, basta uma relva ou grama levemente úmida, um ar levemente abafado, mas com uma brisa refrescante e algo pra cultivar no coração. esse algo..pode ser tudo. tudo mesmo. basta ser cultivado com coisas boas.
Essa foto eu roubei descaradamente da amiga Emanuelle, me lembrei desse tipo de graminha macia e verde da casa da avó dela, e consegui por alguns segundos, me sentir exatamente como o cachorrinho está. sei que sentirei mais coisas semelhantes essas semanas que ficarei lá na minha cidade natal. o ônibus segue a BR 040, carregando sonhos na bagagem.

sábado, 25 de julho de 2009


.

“É tarefa da ciência e da arte, impor ao
mundo uma nova imagem do homem e constatar
que o ser humano é um ser espiritual e que,
se for suficientemente alimentado de um modo espiritual,
se sentirá satisfeito.”

Joseph Beuys

.

tinha que ser fã da Mariah mesmo

Mariah Carey’s new single, Obsessed, has just fallen from number 11 to number 20 in only its second week. This looks to be the biggest flop for Mariah since “Loverboy,” which we lambs made a hit by gathering together and buying several copies. We can do the same for “Obsessed.”

I am asking you to make a donation to wannaknowlove@gmail.com. I will spend my time buying several copies of the single. I have already collected $80 from one fan. If you don’t feel comfortable with that, we are setting Saturday as “Obsessed” download day. Please download at least five copies! By the remixes! Mariah needs our help!

link> http://allamb.wordpress.com/2009/07/24/we-need-to-help-mariah-carey/

VERGONHA ALHEIA É POUCO!

amando.
boys

sexta-feira, 24 de julho de 2009

.

Então, você me disse hoje cedo que não é bom levar a sério e ouvir o que as Divas gays tem a falar. Que qualquer mensagem vinda da chamada cultura gay é carregada de promiscuidade, afetação, breguice e drama sem necessidade. Resumindo, você disse que é cafona. Olha senhor, Você não me conhece tão bem assim pra afirmar isso. Você não sabe o que eu costumo absorver dessa cultura gay. e se a uso, é porque gosto e me indentifico em algo. Acho engraçado, que você e o restante da sua turma que se rotula de independente, rocker, indie, alternativo e o diabo a quatro, não percebem que seu estilinho também tem como pilar a fossa, o drama, a dor, a vida trágica e melancólica de seus rockstars desgraçados. Janis, coitada, tão citada. Não faz sentido esses julgamentos de valor e gosto, acho patético ter que me justificar se gosto ao mesmo de bate cabelo e de Rufus, de Tori Amos, de Bonde do Rolê, de Lady Gaga a Yoko Ono, de Secos e Molhados. pro inferno, vá pastar.
QUALQUER conjunto de práticas se estabelece como uma cultura. você é gay, não tem que gostar do que rotularam como cultura gay ( eu mesmo não gosto de MUITA coisa ), mas é patético ficar fazendo esses níveis de valor e legitimidade baseados nas playlists preferidas suas. acho infantil, acho um ranço nauseante, acho ridículo. estou muito irritado.
Saiba que toda forma de sentimento humano irá servir pra inspiração do que chamam de arte. Música, Poetas, todos se alimentam desse substrato chamado paixão, que o homem carrega nas costas todos os dias. Não se ache melhor que os outros, meu caro.
E divido com todos que aqui frequentam, com o maior orgulho e satisfação, uma das representantes mais incríveis e de peso dessa cultura gay patética que vc menciona. Kylie cantando The Crying Game. Sei que você irá rir e achar cafona e patético, mas tudo bem. O que você não sabe, é que também já ri muito de você. e por motivos bem parecidos.

quinta-feira, 23 de julho de 2009

Trilha Sonora - Central do Brasil


Composta e executada por Antonio Pinto e Jaques Morelenbaum, com participação especial de Siba e Cartola.
um dos 10 filmes mais importantes e que me marcaram nessa vida. baixem a trilha sonora e relembrem-se de Dora, Josué.. emocionante, sempre.

baixar aqui

quarta-feira, 22 de julho de 2009

21st Century Life

Quando éramos crianças..queríamos fazer tudo que fazemos hoje. ser livres, usar drogas, transar, chegar hora que quiser em casa, varar noite, ser adulto. queríamos experimentar toda a sensação de posse e autonomia com nossos corpos e vidas. queríamos ousar. e desenhávamos futuros impressionantes. eu sacrificaria qualquer coisa por um futuro maravilhoso. eu projetava mundos sem dor e sem pesos nas costas. eu não tinha noção que era criança. crianças querem ser adultos. adultos querem voltar a ser criança. mas não querem deixar as coisas de adulto para trás. o futuro não chega nunca. o futuro é isso que a gente recebeu. é isso que estamos fazendo. não sei, mas queria que o futuro não existisse.

When I was a little boy
Living in the last century
I thought about
Living in the future
Then it occurred to me
I turned around
The future was now
The future was all around me
Nothing like I imagined
It was totally confounding

21st Century Life - Sam Sparro


segunda-feira, 20 de julho de 2009

COME INTO MY WORLD



Won't you lift me up, up, high upon your love

mais e mais tees


Alguns leitores demonstraram interesse em comprar as camisetas de malha com as estampas que faço a partir de meus desenhos. Pois bem, já estou colocando alguns exemplares à venda,( produzidas aqui noo atelier ) e fazendo algumas sob encomenda.Lembrando que tenho outros tamanhos aqui e em diversas cores. detalhes e pedidos podem ser feitos pelo meu email: jpgroove@gmail.com
Pros 15 primeiros que comprarem uma camiseta, ganham de brinde um postal e uma gravura ( poster ).
Equanto o site oficial não fica pronto, deixo aqui os links das estampas que já podem ser pedidas:



Ah! essa semana tá tendo uma liquidação de aniversário no Design By Humans, pra quem quiser pedir de lá, a minha estampa também está em promoção
um preview das próximas:


.
.
.
às vezes eu invento de querer fazer poesia aqui. mas não é minha maior competência. estou longe de saber fazer coisas belas com as palavras como tantos que admiro absurdamente. eu tenho uma certa invejinha. dá vontade de escrever o mais belo livro dedicado ao homem que eu amo, à minha mãe, aos meus amigos. dá muita vontade. mas não acho que fica bom.

lembro de uma época, muitos anos atrás..eu tinha uma paixão platônica, daquelas impossíveis mesmo, que te botam numa fossa feia. eu escrevia vários e vários poemas por dia, algums eu me lembro bem vagamente..mas sei que são horríveis, toscos. eles estão lá na minha cidade em algum lugar, numa caixa velha de papelão em cima do armário.

Se eu fosse poeta..tentaria dizer o máximo com o mínimo de caracteres.

terça-feira, 14 de julho de 2009

Harry Bush

.





Me sinto honrado em falar aqui deste artista. Harry Bush é completamente desconhecido pra maioria absoluta das pessoas. até mesmo aquelas que apreciam arte homoerótica não é fácil o acesso a seus incríveis desenhos. Bush sempre foi um recluso. a maior parte de seu trabalho jamais havia sido exposta a um grande público. era discreto ao extremo, e neurado com a questão de direitos autorais. direto brigava com editores sobre a qualidade da reprodução de seus trabalhos, obrigando os muitas vezes a republicar toda uma edição.

Bush começou como um militar, na Marinha, em seguida, na força aérea e, finalmente, no Pentágono.

aos 40 anos foi descoberto pelo bombado fotógrafo Bob Mizer que passou a publicar seus desenhos na sua clássica Physique Pictorial, sendo assim Harry Bush tinha outra renda além da sua pensão militar. Bob apresentou a Bush toda aquela loucura da vida gay de Los Angeles nos anos 60, mas Bush não conseguiu entrar e se jogar de cara nessa utopia hedonista toda. ( na verdade, quando se viu ao vivo ali, ficou chocado ) talvez os anos de disciplina e repressão em toda sua vida pesaram nesse momento. e toda sua luxúria e tensão sexual foram canalizados por seus fortes desenhos, ao mesmo tempo sutis, suaves, românticos, absurdamente belos. como um Michelangelo, sem medo de de ser hiperbólico.
quando se fala em arte homoerótica o primeiro nome que vem à cabeça é Tom of Finland. eu gosto ( mas nem taanto ) do trabalho dele, mas acho os homens de Tom feios, tortos demais..

Por mais que a temática de Bush seja direta e literal, com seus homens sem um pingo de pudor, acho que ele ultrapassa essa barreira e rótulos da gay art. aliás, detesto esse termo. Bush usa de uma maneira bárbara lápis de cor. ando obcecado com seu uso de hachuras e cores. sua linha é tão leve, e ao mesmo tempo pesada, firme, como um belo corpo masculino deve ser.



não é fácil achar muita coisa dele da Web, mas divido aqui com vocês alguns scans que fiz da revista Têtu. Tem um artbook a venda na Amazon chamado Hard Boys, que não deixarei de comprar por nada.



morreu em 2003 com 85 anos.




.

segunda-feira, 13 de julho de 2009

sexta-feira, 10 de julho de 2009

Quina Galeria de arte




A QUINA Galeria de Arte será um espaço para fomento de idéias que contará com uma galeria de arte e uma loja com objetos de design, arte, grafite e mimos criativos.
Iremos mostrar o que há de mais interessante feito por pessoas com idéias novas no mercado. Por isso a QUINA Galeria será um espaço dinâmico que reunirá produtos exclusivos e peças únicas unindo loja e galeria em um só local.


Belo Horizonte tem uma nova galeria de arte. A Quinto é voltada pro que chamam de uma arte mais urbana, e mistura loja de presentes com galeria de arte. o espaço no coração do centro de BH é privilegiadíssimo: no Maleta, de frente pro Museu Inimá de Paula. Falei com os donos do espaço, e já sei que eles estão abertos a receberem material de outros artistas pra deixar na loja e vender. Recomendo demais. SP já tem pencas de galerias nesse estilo, é mais que válido apoiarmos ( e comprarmos! ) idéias como essa, pois poucas vingam aqui em BH. depois de uma programa de arte, nada melhor que tomar uma cervejinha com uma porção no andar de baixo, na Cantina de Lucas. hmmmmmmmmm!

imagens da Galeria Quina:
http://www.flickr.com/photos/quinagaleria/